Pular para o conteúdo principal

FELIZ O VENTRE QUE TE TROUXE E OS SEIOS QUE TE AMAMENTARAM


Dom Canísio Klaus
Bispo de Santa Cruz do Sul (RS)
Admirada com as palavras sábias que saíam da boca de Jesus e as obras que ele realizava, “uma mulher levantou a voz no meio da multidão e lhe disse: Feliz o ventre que te trouxe e os seios que te amamentaram” (Lc 11,27). O episódio revela algo de importante na vida de todas as pessoas: muito do que nós somos, herdamos da mulher que nos “gerou e alimentou”, e que chamamos de “mãe”! E é a ela que nós queremos homenagear neste final de semana.
Ao se encarnar, Deus quis precisar de uma mulher. Com esta decisão, dignificou a maternidade a partir do seio de Maria Santíssima, que passou a ser referência para todas as mulheres que se predispõe a gerar filhos para darem continuidade à obra da criação.
Gerar filhos é algo inerente à natureza da mulher. Por causa disso, ao longo da história da humanidade, a esterilidade sempre foi vista como um fardo a ser carregado pelas mulheres “que não podem ter filhos”, e que, em conseqüência disso, não podem ser mães em plenitude.
A mulher que gera é mãe.  Mas também é importante destacar que a maternidade não se esgota na geração. Ela se complementa com a alimentação e a educação. Por isso, mãe verdadeira é aquela que gera, amamenta e educa. “Feliz o ventre que te trouxe e os seios que te amamentaram”!
Existem mulheres que, mesmo não conseguindo gerar filhos, adquirem o direito de serem chamadas de mães por causa da adoção, alimentando e educando filhos de outras mães. Permanece, porém, o ideal de que a mesma mulher que gera o filho, também o possa alimentar e educar. Por isso incentivamos as mulheres que tem as devidas condições a que assumam a maternidade na sua integralidade, ou seja, que alimentem e eduquem os filhos gerados no próprio ventre.
O orgulho da mãe são os filhos. É o que atestam as mães que apontam para os filhos e dizem: “eles estão melhor do que eu”.  Por isso é importante os filhos avaliarem continuamente a sua relação com as mães, e se perguntarem: a minha mãe pode sentir orgulho de mim?
Por ocasião do Dia das Mães que celebramos no domingo, saúdo a todas as mães com meu abraço e gratidão. Motivado pelas comemorações do Ano da Fé, abraço de maneira toda especial a aquelas mães que geraram filhos para a vida e os educaram na fé cristã. Que Deus, por intermédio da feliz mãe de Jesus de Nazaré, abençoe a vocês, queridas mães!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

TAIPU ENCERRA FESTA DA PADROEIRA

Após 10 dias de festejos foi encerrada neste domingo (06), a Festa de Nossa Senhora do Livramento 2015. No último dia houve a alvorada com a banda de musica às 5h, juntamente com uma queima de fogos; missa solene, às 9h, celebrada pelo Padre Rodrigo Paiva; Ofício da Imaculada Conceição, às 11h30; e às 12h, solene descida da imagem de Nossa Senhora do Livramento do seu nincho, sendo coroada logo em seguida, e saudada por um pipocaço de fogos. Às 16h, a imagem de Nossa Senhora do Livramento saiu de sua matriz em procissão pelas ruas de Taipu, tendo grande número de fiéis acompanhando. Ao chegar na matriz, houve a Missa de encerramento da festa, celebrada pelo Padre Edílson Soares Nobre. Após a Missa foram arriadas as bandeiras, com o show pirotécnico. A festa foi encerrada após a solene subida de Nossa Senhora ao seu nincho, e da entrega das flores. Ás 18h30, foi servido o jantar de Nossa Senhora do Livramento, no largo da matriz. Um grande momento de confraternização e reencontro das …

TAIPU REALIZA VESTIDURA DE COROINHAS

A Paróquia de Nossa Senhora do Livramento realizou no dia 22 de fevereiro, a investidura dos 10 novos coroinhas e a renovação de 8 antigos em Taipu. A celebração foi durante os festejos do aniversário natalício do Padre Helenildo Marques, na matriz de Nossa de Nossa Senhora do Livramento. Cerca de 30 coroinhas de Poço Branco e Natal participaram da investidura, juntamente com os paroquianos das comunidades que lotaram a igreja por ocasião da data importante para a paróquia. Veja as fotos:











Fotos: Pascom Santo Antônio de Pádua

TAIPU ABRE FESTA DA PADROEIRA 2015

Foi aberta nesta quinta-feira (26), a Festa de Nossa Senhora do Livramento. Os festejos da padroeira de Taipu acontece de 26 de novembro á 6 de Dezembro, tendo como tema: "Com Maria, a Mãe do Livramento, anunciaremos a alegria do Evangelho" e lema: "Ai de mim, se eu não evangelizar! (Cor 9, 16)". Este ano será a 176a realização da festa da Padroeira. 
Os festejos foram abertos com uma carreata saindo da comunidade de Serra Pelada com a imagem de Nossa Senhora do Livramento, padroeira da paróquia; e a imagem de São Sebastião, padroeiro de Serra Pelada. As imagens foram escoltadas pela Polícia Rodoviária Federal - PRF, Polícia Militar - PM, e Pré-Militar.  Logo na entrada de Taipu, os paroquianos e devotos de Nossa Senhora esperavam a carreata para fazer uma bonita caminhada até a igreja Matriz. 
Ao chegar na matriz, houve o hasteamento das bandeiras e estandarte, e a bênção dos motoristas e motoqueiros.  Em seguida foi celebrada a Santa Missa de Abertura da Festa de N…