sábado, 21 de dezembro de 2013

SÃO NICOLAU, INSPIRADOR DO PAPAI NOEL, EXISTIU MESMO?



Sim, o Papai Noel, a alegria das crianças, foi inspirado num verdadeiro santo da Igreja, São Nicolau. Como surgiu essa tradição? São Nicolau, Bispo de Mira, viveu na Turquia, morreu em 324. São João Damasceno (†749), doutor da Igreja, de Constantinopla, fez o seguinte elogio a São Nicolau: "Todo o universo tem em ti um pronto auxílio nas aflições, um encorajamento nas tristezas, uma consolação nas calamidades, um defensor nas tentações,um remédio salutaríssimo nas enfermidades".


São Nicolau era jovem quando ficou órfão de pai e mãe, e herdou deles uma imensa fortuna que usou para fazer muita caridade. Dai veio a figura lendária do Papai Noel, depois modificado pelo mercado.

Um dia Nicolau, soube de três moças pobres que iam se tornar prostitutas, porque o pai não tinha meio de casá-las dignamente. Nicolau foi, então, de noite, e jogou para dentro do quarto do pai delas uma bolsa com moedas de ouro. Poucos dias depois, ele casava a filha mais velha dignamente. Nicolau repetiu o gesto e, assim casou a segunda filha. Antes dele atirar pela terceira vez o dinheiro no quarto do pai das moças, foi descoberto pelo homem, que lançou-se aos pés de Nicolau, chorando de arrependimento e gratidão. Desde então, não se cansou de espalhar por toda parte o que ele tinha feito. Tornou-se o santo da caridade.

Uma vez Nicolau embarcou em um navio e avisou ao comandante que teriam violenta tempestade pela frente; mas o marinheiro o desprezou. A tempestade veio, e tão forte que todos acreditavam que iam morrer. Quando souberam que um passageiro havia previsto o que estava acontecendo, correram para ele, pedindo socorro. Nicolau rogou a Deus, e logo cessou a tempestade, acalmou-se o mar e o sol apareceu resplandecente... Tornou-se, assim, o patrono dos marinheiros, que o invocam nos momentos de perigo.

São Boaventura (†1234), bispo e doutor da Igreja, conta que em uma hospedagem o dono havia assassinado dois estudantes para ficar com o dinheiro deles. Horrorizado, São Nicolau ressuscitou os jovens e converteu o assassino. Outro milagre dele é narrado no dia em que foi sagrado Bispo de Mira. Ressuscitou o filho de uma mulher que tinha caído no fogo e morrera.

Em alguns países da Europa, é costume as pessoas trocarem presentes no dia de sua festa, 6 de dezembro e também no Natal. Portanto, é um grande santo cuja intercessão devemos pedir em nossas necessidades.

Profº Felipe Aquino

sexta-feira, 20 de dezembro de 2013

CONSTRUÇÃO DA SACRISTIA DA MATRIZ

A construção da sacristia da Igreja Matriz de Nossa Senhora do Livramento foi iniciada em Maio de 2012; durante a Administração Paroquial do Padre Francisco Assis Inácio. A inauguração está prevista para o dia 22 de fevereiro de 2014, durante os festejos da Cátedra de São Pedro.





ASSEMBLÉIA PASTORAL PAROQUIAL

Realizada no dia 14 de dezembro de 2013, na quadra Antônio Soares da Rocha e na Escola Clotilde de Moura Lima. Estavam presentes dois membros de cada pastoral, grupo, irmandade, movimento e comunidade da paróquia. Foram realizados planejamentos para 2014, avaliação, palestras, Missa, louvores, gincanas, sorteios, stand do Dízimo, atendimento com o pároco, almoço, lanches, jantar e outros. Estavam presentes os missionários da Comunidade Servos de Maria do Coração de Jesus.




terça-feira, 3 de dezembro de 2013

DOM JAIME RECEBE TITULO DE CIDADÃO TAIPUENSE



O Arcebispo de Natal Dom Jaime Vieira Rocha, é o mais novo cidadão de Taipu. Ele recebeu o titulo de cidadão Taipuense, neste domingo, dia 1; numa celebração solene de encerramento da Festa de Nossa Senhora do Livramento 2013, e do Ano Centenário da Paróquia de Taipu, ás 18h. O autor do requerimento foi o vereador Aluisio Filho, e aprovado pelos demais vereadores da Câmara Municipal de Taipu. O Vereador Aluísio filho entregou o título. Dom Jaime na sua juventude, participava da Festa de Nossa Senhora da Apresentação, em Natal. Todos os anos ao terminar a Festa no dia 21 de novembro, Dom Jaime vinha para Taipu de trem, para a Festa de Nossa Senhora do Livramento. Ele ficava na Fazenda Rodeio em Passagem Funda, com seus familiares. Marcando assim, sua juventude em Taipu.  
Dom Jaime tem como lema no seu episcopado: "Scio Cui Crediti" (Sei em quem acreditei). Antes do Episcopado foi pároco de Pendências (1975-1987); Membro da Comissão Regional de CEBs (1984-1987); coordenador diocesano das CEBs; Reitor do Seminário Maior de Natal (1987-1995); vigário episcopal para as Pastorais Sociais (1993-1995); coordenador diocesano de Vocações e Ministérios; diretor espiritual do ECC. Estudou teologia na Faculdade de Teologia Nossa Senhora da Assunção, São Paulo. Filosofia na Faculdade de Teologia Nossa Senhora da Assunção, São Paulo.
Formado também em Ciências Sociais na Universidade Federal do Rio Grande do Norte; IBRADES, Rio de Janeiro; Atualização para Formadores de Seminários, Roma. Dom Jaime foi coordenador da Comissão Episcopal Regional de Vocações e Ministérios; Bispo da Diocese de Caicó (1996-2005).
Foi o 6º Bispo da Diocese de Campina Grande. E foi também, durante este período, delegado ao Cargo de administrador apostólico durante avacância da diocese de Guarabira, no estado da Paraíba. No dia 21 de dezembro de 2011 o Papa Bento XVI o nomeou Arcebispo de Natal, tomando posse em 26 de fevereiro de 2012.No dia 26 de Fevereiro de 2012, Dom Jaime, tomou posse como 6º Arcebispo Metropolitano de Natal.

PADRE HELENILDO RECEBE TÍTULO DE PÁROCO


O Arcebispo de Natal Dom Jaime Vieira Rocha, concedeu ao Padre Helenildo Marques, o título de Pároco da Paróquia de Nossa Senhora do Livramento; numa celebração solene de encerramento da Festa de Nossa Senhora do Livramento 2013 e do Ano Centenário, no domingo, dia 1° de dezembro. Ele estava desde o dia 9 de agosto de 2012, como Administrador Paroquial. O Padre Helenildo ficou emocionado, e agradeceu ao bispo pelo título. Todos ficaram surpresos, principalmente o Padre Helenildo. A Paróquia de Taipu, é a primeira que ele administra; e a partir de agora a primeira a ser pároco. O título tem validade de 6 anos.


TAIPU ENCERROU O ANO CENTENÁRIO E FESTA DA PADROEIRA 2013


A cidade de Taipu festejava desde o dia 22 de novembro, a sua padroeira, Nossa Senhora do Livramento. Na abertura, houve a carreata saindo do Arisco da Gameleira, conduzindo a imagem de Nossa Senhora do Livramento, no carro da Polícia Rodoviária Federal. Na chegada houve o hasteamento das bandeiras. Todos os dia, acontecia as caminhadas penitenciais, ás 4h30; Santa Missa nos setores, ás 5h, seguida do café comunitário; Ofício da Imaculada Conceição, ás 12h; Recitação do Santo Terço, ás 18h30; e ás 19h30, a novena, celebradas a cada dia, por Padres diferentes. No dia 28, quinta-feira, foi lançado o CD “Ave Maria nos seus andores”, do Padre Helenildo Marques. O lançamento foi no centro pastoral de Taipu, ás 21h30. No dia 30, sábado, foi a tradicional barraca. Com leilão de galinhas, carneiros e garrotes. A atração musical foi a Banda Dom Cardoso e seus metais.  No dia 1 de dezembro, foi o encerramento da Festa da Padroeira 2013 e do Ano Centenário. Ás 10h, foi celebrada a Missa Solene, presidida pelo Padre Cláudio Régio. Ás 12h, Ofício da Imaculada Conceição; ás 16h30, procissão com a imagem de Nossa Senhora do Livramento, pelas ruas de Taipu. Ás 18h, foi celebrada a Missa de encerramento da Festa da Padroeira 2013 e do Ano Centenário, presidida pelo Arcebispo de Natal Dom Jaime Vieira Rocha. Mais de 4 mil fiéis, de todos os lugares do RN, acompanharam a procissão e a Missa. Após a Missa, houve o descerramento da placa alusiva ao encerramento do Ano Centenário; seguida da queima de fogos, arriamento das bandeiras, e entronização da Imagem de Nossa Senhora do Livramento. Ás 21h, foi realizado o Jantar de Nossa Senhora, ao lado da Igreja. Durante a Missa, Dom Jaime recebeu o título de cidadão taipuense, das mãos do vereador Aluísio Filho. No mesmo instante, o arcebispo, concedeu ao Padre Helenildo Marques, o título de Pároco da Paróquia de Nossa Senhora do Livramento, de Taipu. Desde do dia 9 de agosto de 2012, o Padre Helenildo era Administrador Paroquial. O título é válido por 6 anos.
FESTEJOS DO CENTENÁRIO 

Os festejos do Centenário Paroquial de Taipu, foram abertos mo dia 19 de novembro de 2012, pelo arcebispo de Natal Dom Jaime Vieira Rocha, durante a Festa da Padroeira 2012; este momento foi marcado pelo descerramento da placa alusiva. Na semana que antecedia a data do centenário, foi realizado um tríduo festivo de 14 a 18 de abril. A programação do tríduo constou de carreata, Missa, procissão luminosa, ofícios, alvorada, visistas, Missa em Latim e outros.No dia 18 de abril, dia do Centenário, houve ás 19h, a celebração da Santa Missa, presidida pelo Arcebispo Emérito de Natal Dom Heitor de Araújo Sales; seguida do descerramento da placa alusiva ao dia do Centenário da Paróquia de Taipu. Durante o Ano centenário, foram realizados missões jovens, missão com os missionários da Comunidade Servos de Maria do Coração de Jesus, Crisma, Primeira Eucaristia, Encontrão do Povo de Deus do VII zonal, Tríduos festivos de Santos, Missa com Oração de Cura e Libertação e outros.
VEJA AS PRINCIPAIS FOTOS DA FESTA:


Coroação de Nossa Senhora com Padre Cláudio

Nossa Senhora do Livramento


Solene descida de Nossa Senhora


Saída da Imagem para a procissão

Procissão de Nossa Senhora pelas ruas de Taipu
Procissão de Nossa Senhora pelas ruas de Taipu

Chegada da procissão á Igreja Matriz


Santa Missa presidida pelo Arcebispo Dom Jaime




TAIPU ENCERRA FESTA DA PADROEIRA

Após 10 dias de festejos foi encerrada neste domingo (06), a Festa de Nossa Senhora do Livramento 2015. No último dia houve a alvorada com...