Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2010

V JORNADA MISSIONÁRIA

Deu-se início, neste último sábado 10/04, a V Jornada Missionária envolvendo o II pólo missionário da Paróquia Nossa Senhora do Livramento, o município de Poço Branco. Do dia 10 ao dia 17/04 os Grupos de Animação Missionária irão percorrer alguns pontos da cidade e distritos realizando visitas domiciliares e celebrações. Segue abaixo a Programação.
Sábado (10/04 -Abertura)

TEMA: "Ide pelo mundo inteiro e anunciai o evangelho a toda criatura. (Mc 16,15)
PROCLAMAÇÃO DA PALAVRA: Mc 16,9 -15
CELEBRANTE: Grupo de Animação Missionária
LOCAL: Comunidade dos Baixos de São Miguel

Domingo (11/04)

TEMA: "Como o Pai me enviou, também eu vos envio." (Jo 20,21)
PROCLAMAÇÃO DA PALAVRA: Jo 20,19 - 31
CELEBRANTE: Pe. João Maria dos Anjos
LOCAL: Igreja Sagrado Coração de Jesus

Segunda Feira (12/04)

TEMA: Eis que as coisas Velhas passaram e tudo se fez novo" (2Cor 5,17)
PROCLAMAÇÃO DA PALAVRA: Jo 3, l - 8
CELEBRANTE: Valmir Fernandes
LOCAL: Residência de D. Lúcia Borges (Av. Manoel Rodrigues)

Terca-f…

PÁSCOA, O SENHOR NO NOSSO MEIO!

Jesus venceu a morte e está vivo. Não só nesta noite santa da Vigília Pascal, mas em todas as circunstâncias em que ouvimos a voz do sacerdote aclamar: O SENHOR ESTEJA CONVOSCO! Ao que todos os fiéis e ministros ordenados, em autêntica profissão de fé, exclamam: ELE ESTÁ NO MEIO DE NÓS. Graças a essa verdade esplêndida, celebramos nesta noite santa, com imensa alegria, o Cristo Ressuscitado e com renovada esperança a vida nova de ressuscitados. Por isso, o venerável dia santo da Páscoa é o Domingo primordial, do qual derivam todos os outros domingos do ano. Domingo a domingo, celebramos com a Igreja a Páscoa semanal, que é o Dia do Senhor.
O Atos dos Apóstolos no capítulo 10, 34.37-43, relata o esplendor da Ressurreição, quando Pedro anuncia a Ressurreição de Cristo. Pedro, na casa do centurião romano Cornélio, na Cesárea, expõe o “kerigma”, núcleo central da fé cristã. Ele anuncia Jesus como o ungido de Deus, descreve a atividade do Messias fazendo o bem e curando os oprimidos, testem…

QUANDO CAI A FICHA

Esta é uma expressão popular que indica o momento no qual uma pessoa toma consciência de algum fato, de alguma ocorrência, ou de alguma consequência, fruto de uma decisão tomada por si ou por outrem, e que não tinha alcançado ainda à sua parte racional. Em outras palavras, demonstra o surgimento do clique, do estalo por algo ainda não visto em sua real dimensão, nem analisado em seu total significado. A expressão tem origem naquelas radiolas instaladas em bares e restaurantes e que, ao receber a ficha que comanda o funcionamento de suas engrenagens, deixa cair o disco solicitado pelo cliente, passando a executar a música de preferência deste. Hoje, na verdade, é usada muito mais no sentido figurado do que se referindo ao equipamento instalado em casas de diversão. O qual, na maioria das vezes, tão somente entretém o saudosismo de alguém alcoolizado, querendo reviver antigas sensações.
De todo modo, embora mais utilizada em tom de deboche, tem profundidade em sua essência e um significa…

DOR INCOMUNICÁVEL

A dor, principalmente a interior, aquela que fere a alma e dilacera o espírito, atinge as pessoas de todas as classes sociais, em qualquer tempo, em qualquer lugar. Dela ninguém escapa. Independentemente da posição social que ocupe, do poder aquisitivo alcançado, bem como do poderio político conquistado. A dor maltrata, subjuga, humilha, fragiliza qualquer um. É uma companheira indesejável no contexto de nossa existência. E, por maior que seja o esforço para não tê-la diante de si, ela está sempre presente, senhora absoluta do tempo, pairando soberana sobre os rumos da vida. Qualquer que seja a direção, ela está lá, planando sobre os fatos, feito carcará voando sobre a presa. Ricos e pobres a rejeitam; doutos e analfabetos tentam de todas as formas desviar-se dela; na cidade, no campo, a todo custo, todos querem se ver livres de sua companhia. Você, você mesmo, o que faria para se livrar da dor?
Não é preciso ser doutor no assunto para saber que existem vários tipos de dor. A dor físic…

SÁBADO DE ALELUIA E VIGÍLIA PASCAL

O Sábado Santo, também chamado Sábado de Aleluia, é o dia antes da Páscoa no calendário de feriados religiosos do Cristianismo. Nas Filipinas, nação notoriamente católica, chama-se a este dia Sábado Negro. O Sábado de Aleluia é o último dia da Semana Santa.
Na tradição católica, é costume os altares serem desnudados, pois, tal como na Sexta-Feira Santa, não se celebra a Eucaristia. As únicas celebrações são as que fazem parte da Liturgia das Horas. Além da Eucaristia, é proibido celebrar qualquer outro sacramento, exceto o da Confissão. São permitidas exéquias, mas sem celebração de missa. A distribuição da comunhão eucarística só é permitida sob a forma de viático, isto é, em caso de morte.
http://www.megadebate.com.br/2009/04/sabado-de-aleluia
A Vigília Pascal” inicia-se na noite do Sábado Santo em memória da noite santa da ressurreição gloriosa de Nosso Senhor Jesus Cristo. É a chamada “A mãe de todas as santas vigílias”, porque a Igreja mantém-se de vigília à espera da vitória do Sen…

QUINTA-FEIRA SANTA - CEIA

Nesta quinta-feira, 01/04, os fiéis se reuniram na Igreja do Sagrado Coração de Jesus para participarem da Missa da Santa Ceia do Senhor. Foi neste grande momento que o Senhor mostrou, também, sua dedicação em servir aos irmãos. Lavando os pés dos discípulos, Jesus proclamou de maneira concreta o primado do amor, amor que se faz serviço até o dom de si mesmo.
Aqui também marca a instituição da Eucaristia. Na véspera da festa da Páscoa, como Jesus sabia que havia chegado a sua hora de passar deste mundo para o Pai, tendo amado os seus que estavam no mundo, amou-os até o fim (Jo 12, 1).

Transladação do Santíssimo

A transladação do Santíssimo tem notícias históricas desde o século II. Mas o rito da adoração, na quinta-feira santa entrou na Igreja a partir do século XIII e foi difundindo-se até o século XV.
O que mais impulsionou foi a devoção ao Santíssimo Sacramento, a partir da segunda metade do século XIII, época em que o Papa Urbano IV decretou a festa de Corpus Christi para toda a Igrej…

CURIOSIDADE

Quarta-Feira de Trevas

Segundo os evangelhos de Mateus e Marcos*, na véspera da última ceia Jesus foi à casa de Simão, o leproso, onde uma mulher lavou seus pés com bálsamo de nardo, enxugando-os com seus cabelos — para desespero de Judas Iscariotes, que reclamou do desperdício. Jesus, porém, disse que a mulher estava já preparando seu corpo para a sepultura.
Cristãs alitorianas recordavam a data perfumando seus cabelos com as essências mais caras que tivessem em suas casas, preferencialmente nardo. Muitas guardavam dinheiro o ano inteiro para comprar o melhor perfume que pudessem no dia santo.
Na Turquia e Armênia sassânidas, onde a seita se refugiou após a condenação pelo concílio de Nicéia, o hábito se fundiu com antigos ritos de prostituição sagrada. As alitorianas iam às ruas nesta noite e usavam o que obtivessem pelos seus serviços para comprar o nardo.
O costume deu origem à crença, não sustentada pelos evangelhos, de que a mulher que lavou os cabelos de Jesus era Madalena, a pecad…

VIA-SACRA

Ontem, 31/03, os três setores missionários: Missionários com Cristo, Santa Terezinha e Imaculado Coração de Maria, da Comunidade do Sagrado Coração de Jesus, percorreram as ruas da cidade para a realização da Via-Sacra dando encerramento a Campanha da Fraternidade 2010. Percorreram 14 casas onde foram montadas as estações. A XV estação aconteceu na Igreja do Sagrado Coração de Jesus. Os fiéis se preparam para o grande momento da Páscoa.
Residencia do Sr. Fernando Cirilo sendo mais uma estação.
Diác. José Belizário conduzindo a Via-Sacra